Glória a Ti, ó meu Deus! Não fossem as tribulações que eles suportam no Teu caminho, como haveriam de se distinguir aqueles que verdadeiramente Te amam? E sem as provações enfrentadas por amor a Ti, de que modo seria revelada a posição dos que por Ti anseiam? A Tua grandeza dá-me testemunho! Todos que Te adoram têm por companheiras as suas lágrimas, e aqueles que a Ti se volvem têm o consolo dos seus próprios gemidos; o alimento dos que se apressam a encontrar-Te são os fragmentos dos seus corações despedaçados.

Quão doce é ao meu paladar a amargura da morte sofrida no Teu caminho, e preciosos, em minha estima, os dardos dos Teus inimigos quando me atingem porque enalteço a Tua palavra! Possa eu sorver em Tua Causa, ó meu Deus, o que Tu desejas, e ver descer sobre mim, em Teu amor, tudo o que ordenaste. Pela Tua glória! Desejo só o que Tu desejas; estimo o que Tu estimas. Em Ti depus, em todos os tempos, a minha inteira confiança.

Faze erguerem-se como auxiliares para esta Revelação os que sejam julgados dignos do Teu nome e da Tua soberania, para que se lembrem de mim entre as Tuas criaturas e icem as insígnias da Tua vitória na Tua terra - eu Te imploro, ó meu Deus!

Poderoso és para fazer o que Te apraz. Não há outro Deus salvo Tu, o Amparo no Perigo, O que subsiste por Si próprio.

Bahá’u’lláh

App icon
Bahá’í Prayers
Get the app
font
size
a
theme
Day
Night
font
Sans
Serif
contact us
translations
App icon
Bahá’í Prayers
Get the app